Um poema de Walt Whitman

  Nós dois, meninos juntos, apegados   NÓS dois, meninos juntos, apegados Um nunca deixando o outro, Pra cima e pra baixo nas estradas, ao Norte e Sul fazendo excursões, Apreciando tudo: o alongamento dos cotovelos, os dedos se apertando, Abraçados e destemidos, comendo, bebendo, dormindo, amando.   Nenhuma lei pode saber mais de nós mesmos: […]

Um poema de Alfonsina Storni

  A INQUIETUDE DA ROSEIRA   A roseira em seu inquieto modo de florescer vai queimando a seiva que alimenta seu ser. Olha as rosas que caem da roseira: São tantas que findará desta desgraceira! Não é adulta a roseira e sua vida impaciente se consome em dar flores vertiginosamente.   [Fortaleza, 2016] *   […]

Um poema de Óscar Hahn

  Anotações no diário de Rimbaud   (África, 1880 – 1891)   Eu cheguei até aqui navegando pelo Mar Vermelho depois de dar à morte ao indesejável   Tinha 20 anos e era uma das virgens loucas   Aden é a cratera de um vulcão extinto sem uma folha de grama sem uma gota de […]

Um poema de Óscar Hahn

  MORTE DA MINHA MÃE O Papa está morto e todos os televisores do mundo estão mostrando a notícia Agora vemos o translado do corpo através dos aposentos do Vaticano Eu sei que a senhora gostaria de ter visto tudo isso mamãe e que iria se emocionar e que assistiria a transmissão da sua cama […]

Alejandra Pizarnik responde -8 perguntas a escritoras, atrizes, mulheres de ciência, das artes, do trabalho social e do jornalismo

8 PERGUNTAS A ESCRITORAS, ATRIZES, MULHERES DE CIÊNCIA, DAS ARTES, DO TRABALHO SOCIAL E DO JORNALISMO[1]   Acredita que a mulher, em todos os planos, devem ter os mesmos direitos do homem? AP – A mulher nunca teve os mesmos direitos que o homem. Deve chegar a tê-los. Não digo somente eu. Rimbaud também o […]